TRADUZINDO

WebRádio Cultura Viva

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Festival de Cinema de Triunfo terá 48 filmes em competição


A 4° edição do Festival que acontece de 15 a 20 de agosto vai prestar homenagem ao produtor Germano Coelho Neto
Clara Gouvêa
Descrição da imagem
A cidade de Triunfo, localizada no sertão de Pernambuco, se tornará a capital do cinema nacional entre os dias 15 e 20 de agosto. Neste período acontece a 4° edição do Festival de Cinema de Triunfo – mostra que este ano terá 48 produções em competição, entre longas e curta-metragens. O evento, um dos mais importantes do calendário audiovisual do País, presta homenagem ao produtor Germano Coelho Filho, falecido em novembro do ano passado.

A lista de filmes que serão exibidos no festival traça um panorama da atual produção audiovisual brasileira. Obras dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Mato Grosso, Paraná, Ceará e Pernambuco, entre outros, integram a programação do evento. As sessões acontecem no Cine Teatro Guarany - um dos cinemas mais antigos do Estado, inaugurado em 1922 e tombado pela Fundarpe.

“O Festival tem crescido a cada ano e ganhado relevância no cenário de festivais de cinema nacionais, sendo comentado no meio como um dos mais charmosos do País. Além disso, o evento tem extrema importância para a região, porque leva produções para o Sertão, que de outra forma não seriam vistas pela população local”, destaca a coordenadora de Cinema da Secretaria de Cultura de Pernambuco, Carla Francine.

Este ano o festival promoverá exibição de filmes no bairro do Rosário. A iniciativa é fruto de uma parceria entre a produção do evento, a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis e o Sesc-PE. “As sessões acontecerão em três noites (17, 18 e 19) com produções infantis no mesmo horário em que estará passando a programação adulta no Cine Teatro Guarany”, comenta Francine.

O festival distribuirá ao todo R$ 47.000,00 em premiações, além de troféus. Para os filmes de longa-metragem são destinados dois prêmios de R$ 10.000,00 cada, seis prêmios para curtas-metragens de R$ 4.000,00, além de R$ 3.000,00 para o melhor filme dos sertões, não havendo distinção entre os formatos 35mm e digital.

DEBATES - Desde sua primeira edição, o Festival de Cinema de Triunfo também caracteriza-se por promover a integração de cineclubistas, realizadores e militantes da cultura de vários estados do País, com a promoção de debates e atividades de formação. Durante a edição deste ano a mostra abrigará o 2º Seminário “Desenvolvimento Sustentável do Audiovisual no Nordeste”.

A iniciativa reunirá representantes do segmento audiovisual de todo o País para discutir políticas públicas para o setor no Nordeste e ações para fomentar o audiovisual na região e no País. O festival abrigará também o 3º Encontro de Cineclubes de Pernambuco, além de oficinas voltada para realizadores, professores da região e público em geral.

Realizado desde 2008 pelo Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Cultura do Estado e da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), em parceria com a prefeitura local, o festival movimenta a cidade, que tem temperatura média de 15° nesta época e é conhecida como o oásis do sertão - cercada de cachoeiras e paisagens naturais. A programação completa do festival – mostra de filmes, oficinas, etc. - pode ser conferida através do endereço eletrônico: festivaldecinemadetriunfo.blogspot.com

HOMENAGEADO - O 4º Festival de Cinema de Triunfo terá como grande homenageado, o produtor Germano Coelho Filho – o Germaninho – que faleceu subitamente em novembro de 2010. Sua trajetória é marcada por forte militância para o desenvolvimento audiovisual no País. A homenagem será dada pela parceria que o produtor sempre teve na formulação das políticas públicas para o setor audiovisual no Estado de Pernambuco e pela contribuição que deu ao longo de toda sua trajetória ao cinema nacional. Entre as produções das quais participou, pode-se destacar o Baile perfumado, dirigido por Lírio Ferreira e Paulo Caldas. O filme foi considerado um marco na retomada do cinema nacional e conquistou diversos prêmios nacionais e internacionais.

Nenhum comentário: