TRADUZINDO

WebRádio Cultura Viva

terça-feira, 12 de julho de 2011

FIG - OFICINAS - 4

MÚSICA

Confecção de Instrumentos
Data: 18 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 30h
Local: Castainho
Público: Comunidades quilombolas de Castainho
Vagas: 25
Facilitador: Maureliano
Proposta: Maureliano Ribeiro compartilha seus conhecimentos e experiências, em suas oficinas, de forma simples numa linguagem que atinge o entendimento do público participante. A oficina “Barravento do Som” já foi ministrada em diversos festivais, e recentemente em Mirandiba pelo Festival Pernambuco Nação Cultural.

Percussão
Data: 18 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 30h
Local: Castainho
Público: Comunidades quilombolas de Castainho
Vagas: 25
Facilitador: Iran e Negro Henrique
Proposta: Repassar as técnicas e sons de ritmos de percussão, desenvolvimento artístico e motor através da sincronia das mãos para retirar o som das peles dos instrumentos. Conhecimento de como cada instrumento é utilizado em cada ritmo. De que é constituído o instrumento e que tipo de pele é utilizado para emissão do som. Repassar os valores da cultura de Pernambuco através dos seus ritmos executadas durante os ciclos em que o ano se divide em relação os ritmos, danças e sons. Fortalecendo a cultura popular e suas riquezas.

Uma visão geral do universo da produção de eventos
Data: 12 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 66h
Local: Campus UPE
Público: Geral, Estudantes e Educadores da rede pública e particular de ensino – Idade Mínima: 18 anos
Vagas: 30
Facilitador: Sérgio Roberto Leite Valença
Proposta: A oficina se propõe a mostrar aos alunos a complexidade da montagem do maior festival de cultura do país, o Festival de Inverno de Garanhuns e, ao mesmo tempo, apresentar-lhes uma possibilidade de seguirem carreira nos diversos segmentos da produção artística. A oficina tem por maior objetivo, despertar a consciência do cidadão local, que ele pode e deve dar a sua contribuição pessoal na organização deste evento. Será ministrada pelo iluminador, coordenador de palco e produtor Sérgio Valença, conhecido como Pezão, que já trabalhou com nomes como Lenine, Alceu Valença e Nação Zumbi.

Técnicas de produção musical, gravação e mixagem
Data: 18 a 22 de julho
Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h)
Carga horária: 15h
Local: Campus UPE
Público: Produtores musicais, Djs, músicos, técnicos de som e público em geral. Idade Mínima: 12 anos
Vagas: 40 em cada turma
Facilitador: Christiano da Costa Botelho da Silva
Proposta: A oficina visa incentivar a produção musical de qualidade e baixo custo, proporcionando ao público em geral noções das etapas do processo de gravação e mixagem, incentivando os jovens a produzir suas próprias criações. A oficina será ministrada pelo sound designer Buguinha Dub.

Eletrônica prática para áudio
Data: 18 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 30h
Local: Campus UPE
Público: Músicos, técnicos de som, produtores musicais, roadies, alunos de cursos de eletrônica e pessoas que têm afinidade na área musical e tecnológica. Idade Mínima: 12 anos.
Vagas: 20
Facilitador: Grupo Altovolts
Proposta: Levar ao aluno os conhecimentos das tecnologias em aparelhos de áudio e o poder de aplicá-lo de forma inovadora e singular, atendendo a grande procura pelo setor musical. A oficina trará para o público participante, a oportunidade de desenvolver a partir dos conhecimentos expostos na oficina, seus próprios projetos de amplificadores de áudio e efeitos eletrônicos para instrumentos musicais, abrindo uma grande possibilidade para uma atividade criativa e empreendedora.

Bateria - Lata e papelão
Data: 18 a 22 de julho
Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h)
Carga horária: 15h
Local: Campus UPE
Público: Geral, de 12 a 24 anos
Vagas: 15 em cada turma
Facilitador: Sérgio Ricardo de Oliveira Melo
Proposta: Passar noções de base rítmica de bateria e percussão, desenvolvendo a criatividade para montar o set percussivo utilizando materiais reutilizáveis como caixas de papelão, potes, tampas de panelas, latas, latinhas, tampas, tampinhas, etc.

PATRIMÔNIO

Políticas públicas para a salvaguarda do patrimônio imaterial
Data: 18 a 22 de julho
Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h)
Carga horária: 15h
Local: Campus UPE
Público: agentes culturais, representantes de pontos de cultura e demais interessados.
Vagas: 20 em cada turma
Facilitador: Tapuias Patrimônio Cultural
Proposta: abordar as políticas públicas e instrumentos vigentes no âmbito federal, para promoção, apoio e fomento do patrimônio cultural imaterial brasileiro.

Oficina Ler, compreender e preservar: Educação Patrimonial
Data: 18 a 22 de julho
Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h)
Carga horária: 15h
Local: Colégio XV de Novembro
Público: Geral a partir de 15 anos
Vagas: 15 em cada turma
Facilitador: Danielle Ferreira
Proposta: propõe uma relação entre o patrimônio cultural construído, espaço de construção de identidades (no caso o Colégio XV de Novembro) com a produção dos saberes do cotidiano.

Oficina de Planejamento Participativo e Elaboração de Projetos Culturais
Data: 18 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 30h
Local: Campus da UPE
Público: participantes de grupos e comunidades que desenvolvam atividades culturais
Vagas: 30
Facilitador: Gerson Flavio da Silva
Proposta: abordar o planejamento participativo e elaboração de projetos culturais, por meio de uma metodologia que favoreça a construção coletiva.

Pequena História da Cultura Pernambucana, ênfase na Região da Mata Norte
Data: 19 a 21 de julho
Hora: Turma 1 (14h às 15h20) e Turma 2 (15h40 às 17h)
Carga horária: 9h
Local: Campus da UPE
Público: estudantes, professores e demais interessados
Vagas: 40 em cada turma
Facilitador: Bil Vicente
Proposta: abordar como vem sendo formada a cultura pernambucana ao longo da história do Brasil, com dois grandes vetores: O período republicano e; a criação coletiva de grupos populares em Pernambuco.

TEATRO

Oficina de introdução ao teatro do oprimido
Data: 18 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 30h
Local: Campus UPE
Público: Geral a partir de 12 anos
Vagas: 30
Facilitador: Centro de Teatro do Oprimido
Proposta: O teatro do Oprimido é um instrumento de comunicação lúdico, dinâmico e eficaz para a discussão de temas diversos. Essa metodologia sócio-cultural, político-pedagógica e terapêutica, estimula o auto-conhecimento, o diálogo social, além de propor que o indivíduo se torne cidadão em cena. Essa oficina tem a finalidade de formação para pessoas interessadas no método e dispostas a utilizá-lo como ferramenta artística de transformação social.

Teatro e dança: uma brincadeira
Data: 18 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 30h
Local: Campus UPE
Público: Geral a partir de 19 anos
Vagas: 20
Facilitador: Viviane Pessoa de Oliveira Souto Maior
Proposta: O objetivo da oficina dialoga com diferentes linguagens; teatro, dança e cultura popular, apresentando os diversos desdobramentos possíveis das danças e brincadeiras populares pernambucanas e o seu aproveitamento técnico, cênico, educativo e de formação artístico-cultural como potencial para o trabalho nas artes cênicas.



INSTITUCIONAL

Formação em políticas públicas para quilombos
Data: 21 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 6h
Local: Castainho
Público: Comunidades quilombolas de Castainho
Vagas: 25
Facilitador: Samuel e Ceça - Axé CEPPIR

Mediação de conflitos
Data: 21 a 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 12h
Local: Castainho
Público: Comunidades quilombolas de Castainho
Vagas: 25
Facilitador: Secretaria Executiva de Justiça e Direitos Humanos

Elaboração de projetos e Funcultura
Data: 19 a 20 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 12h
Local: Castainho
Público: Comunidades quilombolas de Castainho
Vagas: 25
Facilitador: Diretoria de Formação da SECULT-PE

Patrimônio e preservação
Data: 21 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 6h
Local: Campus da UPE
Público: agentes da gestão cultural
Vagas: 30
Facilitador: Diretoria de Preservação Cultural da Fundarpe
Proposta: Possibilitar discussões e ações com vistas à preservação do patrimônio cultural nos municípios do Agreste Meridional.

Oficina Nas Teias do Patrimônio
Data: 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 6h
Local: Campus da UPE
Público: Geral, a partir de 15 anos
Vagas: 30
Facilitador: Diretoria de Preservação Cultural da Fundarpe
Proposta: Estimular percepções e olhares da população sobre o seu patrimônio cultural, por meio de exercícios de expressão e criatividade.

História, percussão e ritmos do maracatu de baque virado
Data: 18 a 22 de julho
Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h)
Carga horária: 15h
Local: Campus da UPE
Público: Geral, a partir de 10 anos
Vagas: 25 em cada turma
Facilitador: Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu
Proposta: Abordagem de temas como história, percussão e ritmos do maracatu de baque virado, ministrada pelo Mestre Gilmar Santana, do Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu.

Funcultura
Data: 22 de julho
Hora: 14h às 17h
Carga horária: 3h
Local: Campus da UPE
Público: Geral a partir de 18 anos
Vagas: 30
Facilitador: Diretoria de Formação da SECULT-PE
Proposta: Oficina teórica e prática, abordando as diversas etapas de como elaborar um projeto. Visa capacitar e orientar os/as participantes quanto aos procedimentos para inscrição do projeto e preenchimento das exigências que constam no edital do Funcultura, sabendo que ele é um mecanismo de natureza financeira e contábil, criado com a finalidade de incentivar e estimular a cultura pernambucana.

Gestão de espaços culturais
Data: 21 e 22 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 9h
Local: Campus da UPE
Público: Gestores, produtores, pontos de cultura e estudantes. A partir de 18 anos.
Vagas: 30
Facilitador: Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais da Fundarpe
Proposta: Estimular o interesse sobre gestão dos espaços culturais, discutindo técnicas de administração a partir de experiências práticas e de desenvolvimento de projetos culturais nestes espaços.

Cultura, Direito e Diversidade
Data: 18 e 19 de julho
Hora: 9h às 12h e 14h às 17h
Carga horária: 9h
Local: Campus da UPE
Público: Gestores locais e sociedade em geral
Vagas: 30
Facilitador: Assessoria especial para assuntos LGBT
Proposta: Sensibilizar para o respeito à diversidade sexual, divulgar as ações do governo para a população de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT).




Nenhum comentário: